Dúvidas frequentes

Por que devo fazer psicoterapia?


Fazer psicoterapia é uma escolha que facilita o autoconhecimento e o desenvolvimento emocional. Não é um dever ou obrigação, mas uma possiblidade frente ao desafio de existir.
Gosto de comparar o desenvolvimento psicoterapêutico ao aprendizado do manuseio de uma caixa de ferramentas: "Digamos que a vida seja o desafio de construir um barco e navegar. Cada pessoa tem para este desafio a sua caixa de ferramentas. Quanto mais ferramentas
forem usadas melhor será o resultado e mais satisfatória será a navegação. Por outro lado, se não soubermos usar as ferramentas corremos o risco de nos machucar e sofrer as consequências da falta de conhecimento, até mesmo afundando nosso barco. Pode ser que no lugar do serrote utilizemos o facão e no lugar da lixa o martelo. As ferramentas serão disfuncionais. Ao conhecer as ferramentas e suas funcionalidades pode-se utilizá-los com criatividade e espontaneidade para construção do barco e a boa navegação". A psicoterapia oportuniza a cada sujeito o acesso às suas “ferramentas” pessoais. Este autoconhecimento é libertador, pois oportuniza criatividade e espontaneidade nas escolhas e objetivos. Facilitando a realização pessoal, a harmonização e a qualidade de vida.




Psicoterapia é apenas para quem está com problemas?


NÃO, a psicoterapia não é indicada apenas para quem está com problemas. A psicoterapia é para todos que desejam desenvolver-se emocionalmente. Estando ou não
em crise ou surto. Apresentando ou não um transtorno mental. Vivenciando ou não um
sofrimento físico, emocional ou relacional. A psicoterapia será mais efetiva sempre que a pessoa desejar e se comprometer com o processo terapêutico. É pessoal e intransferível, não dá para fazer psicoterapia por ninguém, deve ser uma escolha cujo principal beneficiado seja a pessoa em psicoterapia.




Como devo escolher meu psicólogo?


A escolha do profissional para acompanhá-lo no processo psicoterapêutico precisa ser
cuidadosa.

  • Verifique se é formado;
  • Consulte o registo na categoria (CRP);
  • Pesquise se houve alguma queixa ou cassação;
  • Pesquisa a área e abordagem de atuação.
Na primeira sessão, questione sobre a abordagem, peça esclarecimento sobre o funcionamento da psicoterapia, pergunte sobre o prontuário, o sigilo e a confidencialidade do trabalho. É direito de cada pessoa em acompanhamento psicológico, a qualquer momento do processo psicoterápico, solicitar esclarecimentos sobre a atuação do profissional no contexto psicoterapêutico. E, ao se sentir lesado o cliente pode recorrer ao CRP, para solicitar esclarecimentos ou fazer uma denúncia.
Para que a psicoterapia seja melhor aproveitada é preciso que haja empatia e identificação entre o psicólogo e o paciente. Isso tornará o processo mais leve.




Qual o valor das sessões?


O valor monetário de uma sessão é acordado entre terapeuta e paciente conforme conveniência para ambos.
Agende a primeira sessão e converse com o terapeuta, se o custo da sessão estiver fora de suas possibilidades o psicólogo lhe encaminhará para outro profissional e/ou orientará sobre as instituições e clinica escolas que tem custos reduzidos para facilitar seu acesso ao processo psicoterápico. O mais importante é que sua busca não seja desamparada.
Muitas pessoas vivem anos sem resolver questões emocionais que impedem seu desenvolvimento e atrapalham suas relações afetivas, familiares e profissionais, por achar que custa caro e se auto sabotam ou “se congelam” frente as oportunidades na vida, por não se conhecerem o suficiente para sair destas situações.
Quadros psicológicos graves, como depressão, síndrome do pânico, automutilação, ideação suicida, entre outros podem ser prevenidos com a psicoterapia.
Quantas pessoas procuram por ajuda quando já estão à beira do abismo? Isso tudo custa muito mais. Invista em você, faça psicoterapia.




Como agendar uma sessão?


Basta clicar em AGENDE AQUI no topo direito do nosso site. Se preferir, pode ligar no (41) 3329-9233 E/ou enviar mensagem no WhatsApp (41) 9.9922-9233.




Quantas vezes ao mês devo ir ao psicólogo?


É comum no início do processo psicoterapêutico que as sessões sejam semanais. No entanto pode ocorrer a necessidade de haver mais de uma sessão por semana, assim como, com o passar do tempo, é natural que as sessões passem a ser quinzenal, mensal ou agendadas conforme solicitação.
Isto deve ser acordado entre o psicólogo e o paciente e em cada caso as duas partes negociam para que fique bom para ambos.




Quantas sessões preciso para ter alta?


Em geral, a psicoterapia não tem alta definida ou número mínimo de sessões. Quanto mais o paciente estiver comprometido com o próprio desenvolvimento emocional, mais rápido e
produtivo será o processo.
O tempo é variável de acordo com os temas, os conteúdos e ossujeitos em psicoterapia.





Dúvidas frequentes